terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Desorganização x FLYLady

Postado por Mila Viegas às 06:30

Nunca fui uma pessoa organizada. Aliás, desde pequena recebi o rótulo de bagunceira. Daí veio outros adjetivos como preguiçosa, relaxada, etc. Eu me sentia incomodada com isso. Até que vamos crescendo e deixando de nos importar com o que as pessoas pensam a nosso respeito.

Nos posts anteriores eu relatei (acreditem, de forma resumida) minhas experiências de mudança de residências. Apesar de todas as mudanças terem sido fundamentais na minha vida, o quesito organização – antes, durante e depois – sempre foi caótico e estressante.

Como dar um basta nisso e conseguir investir na minha autoestima? Como deixar de procrastinar? Como encontrar motivação para organizar minha vida? Demorei, resisti, mas no fundo sempre acabei fazendo jus a esse rótulo que me deram: bagunceira.

Pois bem!

Quando descobri o sistema FLYLady achei que aquilo tudo não era pra mim, eu não tinha a tal da força de vontade para seguir os passos, dicas e tudo o mais.  Pesquisava na internet maneiras de organizar a casa e tudo o que se possa imaginar referente ao tema. Ao invés de me animar, acontecia o contrário, eu não acreditava na minha capacidade de estabelecer ordem no recinto. Na verdade, eu estava procurando por milagres, algo que resumisse em apenas uma frase o que eu teria que fazer para mudar tudo num piscar de olhos. Caí na real.

Se você passa toda uma vida sendo desorganizada é impossível reverter isso de um dia para o outro. São hábitos. Aliás, péssimos hábitos.

Então antes de tudo, eu comecei a trabalhar a minha mente. Descobri que o tal “milagre” que eu tanto buscava existia, mas não da forma como eu imaginava. Eu vivia entre vassouras e rodos, panos de chão e baldes, lustra móveis e flanela tentando fazer algo produtivo... O maior problema é que eu me cansava horrores e não via o resultado. Conclusão: eu tinha as ferramentas só não sabia como usá-las. Sendo assim, o milagre é aprender usar as tais ferramentas.

Antes de se jogar de cabeça numa faxina, na organização da sua casa, ou seja, em algo que exija certo esforço físico e disposição, é preciso traçar as metas. Quem nunca se viu em meio a uma bagunça tremenda e afirmou com desânimo: “Não sei por onde eu começo”? Não sabemos por que não planejamos e, grosso modo, é o que o sistema FLYLady nos ajuda a entender e praticar. Isso nos deixa com um senso de organização tanto em relação à nossa casa quanto em relação aos outros setores da nossa vida. Assim, vamos descobrindo que pode ser prazeroso encarar uma limpeza e arrumação.

Hum... Entendi... Você deve estar achando que eu sou maluca, né?  Pois é, eu também pensei que devo mesmo estar ficando lélé da cuca. Mas quando você conquista uma vitória, não importa se é algo que se julgue bobo ou pequeno... Por exemplo, quando você consegue deixar a sua cozinha organizada 24horas e 07 dias na semana sem precisar muito esforço para isso, sua autoestima vai a mil e você se sente motivada, se sente capaz de fazer qualquer coisa porque descobriu que pode dar pequenos passos para grandes mudanças. Mudança de hábitos, aqueles mesmo que você odiava ter.

Ninguém está dizendo que é fácil, mas não custa experimentar. Volto a falar mais sobre isso depois, ok?

Para saber mais:

FLY Ro Brasileira (Site com traduções e adaptações do sistema FLYLady)

3 comentários:

Lucia Maria disse...

Ahhh Mi, isso eh otimo, mas eu tenho que incluir algo: voce tem que querer. Digo isso, pois minha bagunca nos meus olhos nao eh bagunca, entao nao me incomoda nem um pouco e nao tenho necessidade de mudar.

O caso eh outro quando ha outras pessoas envolvidas, ai sim voce tem que tentar trabalhar junto com ela pra os dois estarem satisfeitos com o seus ambientes.

bjos

Simples Assim disse...

É bem verdade tudo isso.. Qdo me vi dona de casa e mãe de três, confesso que fiquei perdidinha! Ano passado foi um desastre e eu sempre achei que estava fazendo tudo errado e que tinha que ser diferente. Não nasci pra cuidar de casa, e sim pra trabalhar fora, mas os caminhos me trouxerem a esse destino, então, adaptar-se seria o jeito. Qdo li sobre as FLYs eu não me enquadrei,me arrepiou os cabelos kkk, mas percebi que as dicas são muito bem vindas e que dá pra aproveitar muito. Consegui fazer muita coisa que antes eram meus montros. Bjos Amei o post! Samis

Roseli de Araujo Gomes disse...

Bom dia Mi!!

Amei demais sua percepção à respeito do Sistema FLYlady, ele é isso mesmo, nos mostra que não devemos ser ansiosas e partir para um início, meio e fim por vez...

Bjins e MUITO OBRIGADA por indicar o BLOG!!!

FLYRoBrasileira
www.flyrobrasileira.blogspot.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Assine a petição!

 

Diário de uma bagunceira ;) Copyright © 2011 Design by Ipietoon Blogger Template | web hosting